0

Alô, Espirito Santo!

O Arcebispo de Lima e Primado do Peru, cardeal Juan Luis Cipriani, convidou os jovens a manterem uma amizade cotidiana com o Espírito Santo, assim como eles têm com o melhor amigo e amiga, enviando-lhe “um ‘WhatsApp’” na oração. 

“O Espírito Santo é seu amigo e você deve tratá-lo como tal. E assim como envia um ‘WhatsApp’ para a sua amiga, envie também um ‘WhatsApp’ ao Espírito Santo (na oração) e espera para ver o que te diz, peça-lhe e conte para Ele como você está. Se tiver essa amizade, Ele vai se encarregar de te responder”, expressou durante a cerimônia de Crisma de mais de quarenta alunos de um colégio de Lima no último dia 8 de novembro. 

O Arcebispo disse aos estudantes que “todos devemos ter essa amizade com o Espírito Santo, porque estando com Ele seremos uma pessoa alegre. O Espírito Santo tem um espaço na tua alma e Ele te diz o que está bem e o que está mal. Espero que esta turma do colégio Salcantay dê muito exemplo nas suas casas, nos seus bairros e com seus amigos. Ajudem-se uns aos outros”. 

Do mesmo modo, alentou-os a serem solidários. “Não pensem em vocês mesmos, nos seus planos; pensem nos outros, começando pelos seus pais e seus irmãos. E assim sentirá alegria. E o Espírito Santo te pedirá que perdoe ou que mude alguns aspectos de sua vida”, culminou.
Fonte: ACI Digital

0

O que são os dons do Espírito Santo?

Bom diaaaa!

Os dons do Espírito não são privilégio dos santos; todos os cristãos os recebem no Batismo!!!

Desde o nosso Batismo, o Espírito Santo habita em nossa alma e produz aí os seus frutos e dons para nos conduzir ao amor de Deus e ao serviço dos irmãos. Eles nos ajudam a vencer o pecado e viver de acordo com as leis morais.

Os sete dons do Espírito Santo concedidos ao cristão são: sabedoria, inteligência, conselho, fortaleza, ciência, piedade e temor de Deus.
Os dons do Espírito não são privilégio dos santos. Todos os cristãos os recebem no Batismo. Eles são indispensáveis à santificação do cristão mesmo na vida cotidiana, e não apenas para as grandes obras.
O cristão pode permitir cada vez mais a ação do Espírito Santo em sua vida mediante os dons, se ele se dedicar ao cultivo das virtudes, principalmente da caridade, e se tornar mais e mais dócil às inspirações do Espírito Santo. Principalmente é importante viver o amor, porque Deus é amor.
A Tradição da Igreja entendeu os sete dons, do texto de Is 11,1-3: “Brotará uma vara do tronco de Jessé, e um rebento germinará das suas raízes. E repousará sobre ele o Espírito do Senhor:  Conselho e Fortaleza, Ciência e Temor de Deus, Piedade…”