Video
0

Santidade corporal

Irmãos, sede meus imitadores, e olhai atentamente para os que vivem segundo o exemplo que nós vos damos. Porque há muitos por aí, de quem repetidas vezes vos tenho falado e agora o digo chorando, que se portam como inimigos da cruz de Cristo, cujo destino é a perdição, cujo deus é o ventre, para quem a própria ignomínia é causa de envaidecimento, e só têm prazer no que é terreno. (Filipenses 3,17-19)

Salve, Regina, Mater misericordiae,
Vita, dulcedo, et spes nostra, salve.
Ad te clamamus, exsules filii Hevae,
Ad te suspiramus, gementes et flentes
In hac lacrimarum valle.
Eia, ergo, advocata nostra, illos tuos
Misericordes oculos ad nos converte;
Et Jesum, benedictum fructum ventris tui,
Nobis post hoc exilium ostende.
O clemens, O pia, O dulcis Virgo Maria.

V.: Ora pro nobis sancta Dei Genetrix.
R.: Ut digni efficiamur promissionibus Christi.

Advertisements
Video
0

Santidade aos 18 anos

Uma jovem bela, cheia de vida, atleta, ativa.
Uma jovem normal, uma cristã.
Depois, inesperadamente a doença, a agonia, a morte.
Uma escalada rápida para o Céu.
Segundo várias testemunhas que viveram com a jovem, Chiara era uma menina vivaz, alegre e esportiva, com um dinamismo que contagiava a quem passava ao lado. Fazia o que todos os jovens normalmente fazem, mantendo porém uma grande simplicidade em cada atividade que realizava, além de um amor verdadeiro e gratuito. Aos 17 anos, enquanto jogava tênis, sente uma forte dor nas costas que a impossibilita de continuar. Em seguida, é descoberto que se trata de um osteorsarcoma, um tumor maligno que a acompanhará até o fim de de sua vida. Chiara deveria enfrentar um intenso tratamento, que requeria muita coragem e perseverança para aceitar a chegada d’Aquele que era para ela o “Esposo”. Ela dizia: “Se lo vuoi tu, Gesù, lo voglio anch’io!” (Se queres assim, Jesus, também eu quero!). Assim prosseguiu durante todo o tempo do tratamento, sempre emanando a sua típica alegria a todos os que a visitavam. Antes de falecer, no dia 07/10/1990, disse à sua mãe suas últimas palavras, que traduzem bem o seu espírito: “Mamma, sii felice perché io lo sono. Ciao!” (Mãe, seja feliz, porque eu sou feliz! Até logo!).

Ela é certamente uma pessoa que inspira muitos jovens deste nosso tempo e que nos faz ver que a vida deve ser vivida intensamente com amor e alegria, não obstante as dores que nos alcançam. Chiara “Luce” Badano é exemplo vivo de como é possível ser santos hoje. Os jovens, como já dizia João Paulo II, não devem ter medo de buscarem a santidade. O segredo para isso é a prática do Amor concreto dia após dia, custe o que custar.

0

Feitos a imagem e semelhança!

Deus está dizendo a mim e a você que nos fomos desenhados por ele, portanto ele quer que cada um de nos sejamos da forma exata que Ele nos criou,  portanto é muito importante vemos que somos embaixadores de Deus e temos que caminhar de forma que os outros veem Deus em nós, e se os outros não veem Deus em nós? É culpa nossa.

Deus quer que sejamos a imagem dele. Evangelho de São João, no capitulo 4.o que o evangelho nos diz:

Ele nos diz, PARE DE DUVIDAR! E não pense que você é maior que os outros, somente o Deus é maior, seja la o que você faça, faz com relacionamento com Deus e com os outros, que cresçamos juntos em santidade.. e quando não crescemos juntos, nos tornamos orgulhosos, quando duvidamos dos outros os diminuímos.

Deus quis ser visto na condição humana, mas com  limites, porque você não é Deus!

Que pelo sangue de Jesus possamos ser humildes e reconhecer que toda a graça, todo reconhecimento é apenas a Ele, d’Ele e por Ele! E que nossa Senhora nos cubra com Teu manto sagrado! Amém! Paz e fogo!